Almoço · Festa · Jantar

Datas em branco

Number 1 floral, one from roses flowers pink petal. Isolated ove

 

Sempre gostei de números. Sempre decorei matrículas de carros, números de telefone, especialmente datas. Datas limite de pagamentos, datas de aniversários, datas de acontecimentos que me deixaram feliz, de outros que me deixaram triste… não havia data importante que não fosse comemorada, fosse de que maneira fosse! … Até que as datas me começaram a passar ao lado, os números de telefone ficaram apenas memorizados no telemóvel e o facebook me passou a avisar das datas de aniversário de muita gente.

Não sei se foi depois de ter tido a embolia pulmonar, por ter passado a valorizar mais o presente… talvez remonte mais para trás. Mas deixou de ter importância.

Uma vez li uma frase que dizia qualquer coisa do género “O passado sempre parece melhor do que realmente foi e o futuro mais assustador do que será, por isso viva o presente”. É na realidade uma frase chavão tirada dum pacote de açúcar numa pausa para café, mas tem o seu q de verdade.

Acho que desde aí gravei a ideia na memória e guardei as datas para mim e celebrei-as no meu íntimo.

E isto tudo para dizer o quê?

Que o Diário aos 31 fez um ano no dia 27 de Maio!!!

Gostava de ter feito um artigo especial, de ter comemorado mais, de não ter deixado a data passar em branco, mas estive ocupada a viver o presente. Porque o passado não foi assim tão  bom quanto me lembro e o futuro não será assim tão assustador!

Mas, à semelhança do Natal (que é quando um Homem quiser), também posso comemorar o aniversário do Diário quando eu quiser! – Para isso, deixo-vos a parte II do artigo em que vos falo da substituição dos hidratos de carbono. São duas receitas de purés: um de couve-flôr e outro de abóbora assada. São muito rápidas e fáceis de fazer e igualmente saborosas. Pessoalmente estou viciada no de couve-flôr, mas aconselho a experimentarem os dois.

 

Puré de Couve-Flôr
Ingredientes (para duas refeições)

1/2 couve flor média;

1 colher de sopa de azeite;

sal e noz moscada q.b.

Preparação

Retire as folhas e o talo da couve-flôr.

Coloque num tacho com água fervente temperada com sal e deixe cozer até ficar al dente.

Escorra a água e deite a couve-flôr cozida no processador de alimentos com os restantes ingredientes.

Bata até obter um puré.

Puré de Abóbora
 
Ingredientes 

1 abóbora porqueira média (ou de outra qualidade que prefiram)

1 colher de sopa de azeite;

1 colher de sopa rasa de alho em pó;

sal e noz moscada q.b.

Preparação

Comece por partir a abóbora aos pedaços e retirar as pevides.

Lave os pedaços muito bem e disponha-os num tabuleiro. (não retire a casca).

Salpique com o sal e alho em pó.

Leve os pedaços de abóbora ao forno até estarem dourados.

Retire a abóbora e deixe arrefecer até que consiga retirar-lhe a casca.

Deite a abóbora assada no processador com o azeite e noz moscada.

Bata até obter um puré.

Obs.: Se a abóbora for muito grande ajuste os temperos. Não necessita fazer puré de todos os pedaços de abóbora. Depois de assada e descascada a abóbora pode ser congelada em porções individuais e usada posteriormente.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s