Almoço · Coisas do dia-a-dia · Receitas Fáceis & Rápidas

(Quase uma) Dona-de-Casa Desperada

massa-com-cherry

A minha assiduidade está em falha.

Este último mês foi como andar numa montanha russa. (ou pelo menos, imagino que tenha sido… dado que nunca andei, nem aspiro a tal!)

Estar desempregada é, em tudo, desagradável.

O primeiro mês correu muito mal. Andava insuportável, porque francamente, não sabia o que fazer ao meu tempo e acabava por não fazer nada de jeito. Tenho grande dificuldade em ter dias sem qualquer tipo de tarefa executada. Tive vários desses dias seguidos.

Nesse mesmo mês decidi que tinha de acordar cedo, porque na minha cabeça era “pecado” dormir até às 09:00, então acordei vários dias às 07:00… sem grande coisa para fazer. Curiosamente, as coisas de casa deixaram de ter qualquer interesse. Provavelmente, para muita gente, fazer máquinas de roupa, aspirar e passar a ferro, é desinteressante em todas as alturas da vida, mas eu até gosto de as fazer… mas o facto de serem as únicas tarefas no meu dia, tornava-as equivalentes a uma toma de óleo de fígado de bacalhau. (mais uma imaginação minha, pois nunca tomei tal mistela!) Comecei a ficar tão perturbada que cheguei a acordar às 04:00 e a não conseguir pregar mais olho. Até que…

Fui chamada para duas entrevistas. Uma numa multinacional, que factura vários milhões ao ano e outra para um grupo empresarial numa cidade aqui ao lado. Optei pela segunda, dado que as condições oferecidas pela primeira roçavam o insulto (este tema dará com toda a certeza pano para outro post).

Estive lá uma semana e dois dias. Talvez seja uma prática comum nas entrevistas de emprego (mas sendo eu nova nisto do desemprego, fico algo chocada) prometerem certas condições e explicarem a natureza da função e depois quando vamos trabalhar, as coisas saem totalmente ao lado. Enfim! Cá estou eu, de novo desempregada. Desempregada mas algo serena.

Durante este tempo todo, foi muito difícil controlar o meu apetite e seguir o meu plano alimentar. Deixei de ter as minhas rotinas, passo muito mais tempo em casa com comida disponível e o stress dá-me vontade de comer. Dentro das minhas loucuras e apetites, tento comer da forma mais saudável e nutritiva possível. Deixo-vos um dos meus pratos para essas alturas de gula e preguiça total!

Esparguete com Tomate Cherry e Queijo Vegan
Ingredientes:

Uma medida de esparguete integral;

Uma chávena de tomate cherry;

Duas colheres de sopa de mistura de sementes (usei abóbora, linhaça moída, chia, sésamo e girassol)

1/4 chávena de queijo vegan (costumo usar o Mild Cheddar da Sheese)

Sal e azeite q.b.

Preparação

Coza o esparguete em água fervente com sal até ficar al dente.

Escorra com o auxílio de um passador de rede e tempere com o azeite.

Junte as sementes, os tomates cortados em metades e o queijo.

Envolta até o queijo derreter.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s